SITE INTERNACIONAL DE NOTÍCIAS, INFORMAÇÕES, OPINIÃO SOBRE ECOLOGIA, MEIO AMBIENTE E CULTURA

Número de mortos por tornados sobe para

125 nos EUA

Número de mortos por tornado nos EUA sobe para 123

Número de mortos por tornado nos EUA sobe para 123 (reuters_tickers)

Do SwissInfo

Por Elliott Blackburn e Megan Gates

JOPLIN, Estados Unidos (Reuters) – O número de mortos pelo enorme tornado que atingiu Joplin, no Missouri, subiu para 125 na quarta-feira, e tornados na madrugada em Estados norte-americanos vizinhos causaram a morte de ao menos mais 13 pessoas.

Escavadeiras trabalhavam na remoção dos escombros em Joplin e equipes de resgate buscavam sobreviventes em uma área de seis quilômetros, disseram autoridades. Pelo menos 823 pessoas ficaram feridas pelo fenômeno natural que atingiu a pequena cidade no domingo à noite e cerca de 1.500 estão desaparecidas.

Oito pessoas morreram em Oklahoma, enquanto autoridades do Arkansas confirmaram três mortes. Mais duas mortes ocorreram em Kansas depois que tempestades assolaram o Meio-Oeste dos Estados Unidos na madrugada.

Como o sistema de tempestade se moveu para leste, Arkansas, norte de Mississippi, sul de Illinois e Indiana estavam na área de maior risco de tornados devastadores na quarta-feira, de acordo com o site AccuWeather.com.

O tornado em Joplin foi classificado como EF-5, o maior da escala Fujita de energia e intensidade, com ventos de pelo menos 328 quilômetros por hora.

Tornados EF-5 são raros nos Estados Unidos, mas já foram registrados quatro deles neste ano. São tão destruidores que especialistas dizem que podem transformar uma casa em míssil.

Autoridades em Joplin montaram postos de controle e emitiram licenças para permitir que proprietários voltem aos locais dos destroços para tentar recuperar objetos de valor em suas casas demolidas.

Até agora, 823 pessoas foram tratadas por ferimentos relacionados à tempestade, tanto em hospitais locais como em um centro médico temporário criado na sala de concertos da cidade, que usava equipamentos recuperados de um hospital fortemente danificado.

Em Newcastle, ao sul de Oklahoma City, uma tempestade arrancou o campanário de uma igreja e o arremessou a quase 90 metros, caindo na porta da casa de Lovina Frizzell, de 86 anos, mãe de um pastor.

No Arkansas, o Serviço Meteorológico Nacional informou que um tornado devastou Denning, uma cidade de cerca de 200 pessoas.

Aproximadamente 10.000 pessoas passaram a noite no Aeroporto Internacional Dallas/Fort Worth, onde uma tempestade com granizo do tamanho de bolas de golfe foi registrada, segundo a porta-voz do aeroporto, Sarah McDaniel.

Duzentos voos foram cancelados na terça à noite e mais 100 na quarta-feira, afirmou Sarah. Além disso, 61 voos programados para pousar no aeroporto foram desviados para outros lugares. Não houve feridos no terminal, ela disse.

(Reportagem de Carey Gillam, Suzi Parker, Steve Olafson, Corrie MacLaggan e Jim Forsyth)

Reuters